manutenção preditiva com bi

Como usar o BI para fazer manutenção preditiva?

Imagine prever as manutenções necessárias nos equipamentos da sua empresa e atuar com mais agilidade para que nada pare de funcionar. Isto é possível com a manutenção preditiva, que se torna ainda mais eficaz com o uso de ferramentas tecnológicas como o BI (Business Intelligence).

A manutenção preditiva, como o próprio nome diz, é uma metodologia para prever a necessidade de manutenção de equipamentos, máquinas e estruturas de uma empresa. Ter com antecipação informações necessárias para a continuidade de uma linha de produção, por exemplo. Dessa maneira, é possível otimizar o tempo gasto, reduz custos e não perder lucros.

Para que a manutenção preditiva funcione adequadamente é fundamental que exista um hábito na empresa de documentar dados. O levantamento frequente de dados sobre equipamentos e maquinários é fundamental para que haja essa antecipação da necessidade de manutenção. Portanto, é indispensável a utilização do BI para esse fim.

BI é a sigla em inglês para Business Intelligence, que traduzido para o português significa Inteligência de Mercado. O termo refere-se a uma técnica de coleta, armazenamento, monitoramento e análise de dados que serão utilizados para decisões e gestão de negócios.

Para se ter uma maior assertividade no processo, a empresa pode usar aplicativos para dispositivos mobile. É possível ter atualizações em tempo real, feitas pela equipe de manutenção. Com base em um histórico de dados, a empresa irá conseguir detectar o que reduz a qualidade do serviço, otimizando recursos, distribuição de tarefas e até mesmo peças para máquinas.

O BI foi uma estratégia muito usada na geração de valor das indústrias siderúrgicas. Uma grande problemática dessas empresas era a estagnação da produção. Por isso, com o uso de tecnologia, foi desenvolvido um sistema capaz de analisar e verificar o funcionamento de equipamentos e aplicações que eram usados nas indústrias.

Esse monitoramento foi feito com a integração de dados para prever falhas, o que possibilita abrir uma ordem de serviço instantaneamente, garantindo que a produção não pare.

Manutenção Preditiva: companheira inseparável da mobilidade de informações

Com a adoção de dispositivos mobile, os processos, as operações e o armazenamento de informações se tornam móveis. O time pode desempenhar qualquer uma dessas tarefas em qualquer lugar, a qualquer momento. Um sistema mobile também favorece o cruzamento de informações e a interação de colaboradores e setores diferentes.

Para as empresas que investem na área de manutenção preditiva, o processo fica mais ágil com a adoção de dispositivos mobile. As atualizações constantes, que alimentando o banco de dados e histórico, são feita imediatamente. O sistema se torna mais funcional e prático, reduzindo o tempo que seria gasto para cadastrar dados no sistema. Há também uma maior facilidade de acessar essas informações e fazer análises.

Monitoramento e mobilidade dos técnicos

Com o uso de aplicativos mobile, na manutenção preditiva, é possível aumentar o desempenho de técnicos e melhorar o monitoramento de equipes. Isso acontece porque a tecnologia torna o processo mais fácil, ágil e cria uma interação – mesmo se as partes não estiverem na mesma localização (departamento, cidade, estado ou país).

O monitoramento, portanto, pode ser feito à distância e imediatamente. O dispositivo móvel permite acompanhar em tempo real, todas as etapas de uma manutenção. Desde a ordem de serviço até a execução da tarefa.

Os dados são atualizados instantaneamente e ficam disponíveis para serem consultados. Com isso, os cargos responsáveis pela gerência conseguem ter um maior controle de todos os passos, e acompanhar prazos, atrasos, problemas técnicos, entre outras informações importantes.

Entre as principais vantagens de adotar este método, pode-se destacar a redução dos custos e a otimização do tempo de serviço. O processo de manutenção preditiva se torna mais rápido e barato, afinal o controle é feito imediatamente, tornando as decisões mais ágeis. Por consequência, aumenta-se a produtividade da equipe de manutenção.

Integração entre diferente tecnologias

As empresas que também atuam com equipes de campo também encontram enorme vantagem na utilização de tecnologias móveis. Para que isso ocorra de maneira assertiva é fundamental que exista a integração de softwares de planejamento e gestão com aplicativos.

Em outras palavras, as equipes que não atuam em um local fixo podem contar com uma tecnologia que as acompanham durante o trabalho, com atualização constante do banco de dados durante o serviço. Isso reduz o tempo, porque não será necessário voltar para a empresa, e conectar-se com a internet, para atualizar o software. E também facilita o monitoramento dessas equipes. Ainda há a economia financeira, como gastos como transporte e viagens.

A integração de softwares com aplicativos móveis é fundamental para melhorar o desempenho de equipes remotas. Tornando o processo mais eficiente, a empresa conquista ainda mais lucros, tendo como diferencial o controle de todo ciclo em um único ambiente virtual, com foco na praticidade, usabilidade e otimização de processos de serviços.

Leia mais aqui: Entenda os cinco benefícios da automação de field service